anterior

Notícias

Nove velejadores portugueses no top 30 do Meeting Pescanova de Optimist


seguinte

A vela lusa foi a grande triunfadora da competição ao colocar nove representantes nos lugares cimeiros. Francisca Pinha, do Sport Clube do Porto, foi a melhor classificada, assumindo a liderança após a 1ª jornada.

Os melhores velejadores portugueses foram Francisca Pinha (Porto) (7º), Rodolfo Pires (Lagos) (11º), Mafalda Pires (Leixões) (14), Francisco Mourão (Lisboa) (18º), Francisco Correia (Portimão (21º), Sebastião Rebolo (Lisboa) (23º), Tomás Barreto (Cascais) (24º), Beatriz Capela (Viana do Castelo) (25º) e Rita Lopes (Lisboa) (26º).

Integraram o Meeting Pescanova de Optimist, em Vigo (Galiza), 80 embarcações de todo o litoral português, desde o Minho ao Guadiana. No total, participaram 320 embarcações de sete países.

A Federação Portuguesa de Vela colaborou com a organização da competição realizada na Galiza, sendo João Allen o Presidente do Júri.

O britânico David Labrouche, do clube londrino DSC, sagrou-se, na tarde de domingo, vencedor absoluto do Meeting Internacional Pescanova de Optimist, nas águas da Ria de Vigo. É a primeira vez que um velejador inglês conquista este título, já que até à data apenas a Alemanha, a Noruega e a Espanha tinham conseguido escrever o seu nome na lista de vencedores. Atrás do atleta britânico, terminaram María Bóver e Albert Torres, ambos do Real Club Náutico de Palma de Mallorca.

No entanto, a grande vencedora da prova considerada como uma das mais importantes da Europa foi a equipa portuguesa, que participou com 80 embarcações e que colocou nove velejadores no Top 30 do Meeting Pescanova.